Economia Financeira

Aqui você encontra diversas possibilidades de crédito.

Sem categoria

Perdeu acesso ao Caixa Tem? Saiba como recuperar entrada no aplicativo

Deslocamento até agência bancária não é obrigatório para todos os casos de regularização de acesso; plataforma pode ser baixada gratuitamente nas principais lojas de aplicativos.
Por Lorena Lara, g1

O Caixa Tem, aplicativo lançado pela Caixa Econômica Federal em 2020, permite que cidadãos tenham acesso a serviços e transações bancárias, além de ser usado para o pagamento de benefícios sociais como FGTS, abono salarial e seguro-desemprego.

Para abrir uma conta no aplicativo, é necessário ter em mãos documento de identificação (CNH ou RG), endereço com CEP, número de telefone celular e e-mail.

Caso o usuário tenha perdido acesso ao aplicativo, é possível recuperá-lo de diferentes maneiras. Leia abaixo o que fazer em caso de esquecimento de senha ou perda de acesso ao e-mail cadastrado.

Esquecimento de senha

Caso tenha esquecido sua senha, basta acessar a tela inicial do Caixa Tem, selecionar “Esqueci minha senha“. Em seguida, informar o CPF, clicar em “Não sou robô” e depois em “Continuar“. As instruções para redefinição de senha serão enviadas ao e-mail informado no cadastro.

Perda de acesso ao e-mail cadastrado

Caso tenha perdido acesso ao e-mail que usou para fazer seu cadastro no aplicativo, é preciso ir até uma agência da Caixa Econômica Federal com um documento de identificação para pedir a correção e regularizar o cadastro.

Validação da conta

A Caixa informa que o próprio aplicativo pode solicitar o envio de documentos pessoais e o registro fotográfico do titular da conta. Nesse caso, o próprio usuário pode realizar o procedimento e efetuar o desbloqueio, sem precisar comparecer a uma agência.

Vale lembrar que o Caixa Tem é gratuito e pode ser baixado nas principais lojas de aplicativo. Para dispositivos Android, o app está disponível na Google Play Store, mas só roda em aparelhos com a versão 5 ou superior do sistema operacional.

Para dispositivos iOS, a plataforma deve ser baixada pela Apple Store e está disponível apenas para sistemas versão 11 ou superior.