Economia Financeira

Aqui você encontra diversas possibilidades de crédito.

DICAS DE INVESTIMENTOInvestimentos

Por que Você Precisa Organizar Sua Vida Financeira

objetivo de organizar a sua vida financeira é fazer da economia um hábito. Assim, você sempre terá dinheiro sobrando.

O equilíbrio das suas finanças é crucial para o seu futuro. Desta forma, você conseguirá realizar todos os seus objetivos. Como por exemplo, se aposentar mais cedo e com mais tranquilidade.

Uma vida financeira bem organizada também é importante para o seu dia a dia. Principalmente para saber diferenciar os gastos importantes dos supérfluos.

Uma pesquisa realizada pela Anbima e quantificada pelo Datafolha mostrou que cerca de 60% dos entrevistados brasileiros não gosta de planejar as finanças. Eles preferem esperar para agir só quanto algo realmente acontecer.

Esse resultado vem de encontro com um levantamento do Serasa Experian. Foi revelado que os jovens são os que possuem menor controle do próprio dinheiro.

Desde cedo é importante saber a importância de cuidar da vida financeira. É possível começar a qualquer momento. Porém, quanto mais tarde, mais difícil se tornará.

7 Dicas Para Você Dar um Jeito Na Sua Vida Financeira

Que tal mudar a sua vida financeira pra melhor? Separamos 14 dicas infalíveis para você começar a organizar as suas finanças hoje mesmo. Confira:

1 – Deixe as desculpas de lado

Pare de pensar que ter uma vida financeira organizada é apenas um sonho. Transforme seus objetivos em realidade. Abandone as suas desculpas de que isso é difícil.

Se você começar, vai ver que é simples. Não espere para amanhã, inicie a mudança agora. No futuro, o esforço valerá a pena. 

2 – Planejamento financeiro

Esse passo é fundamental para evoluir as suas finanças. Faça um planejamento financeiro. Você pode utilizar planilhas ou aplicativos de celular

Anote todos os seus gastos. Assim, você vai saber todas as entradas e saídas do seu orçamento. Separe cada um entre gastos fixos e variáveis. 

Identifique e reduza os supérfluos. Perceba que mesmo os de menor valor devem ser considerados. Ao final, você poderá fazer uma grande economia.

3 – Pague as suas dívidas

Sair do vermelho é fundamental para sua vida financeira. Para você ter ideia, em agosto de 2017, mais de 43% dos brasileiros estavam com alguma conta atrasada. 

Imagine só! Quase metade da população não possui uma vida financeira tranquila. 

Depois de fazer o seu planejamento financeiro, separe o valor necessário para pagar as suas dívidas. Se for impossível, negocie elas até que chegue em uma prestação que caiba no seu bolso. Saia desta grave estatística o quanto antes. 

4 – Reserva de emergência

Este é o próximo passo para dar um jeito nas suas finanças. É muito importante formar uma reserva financeira. Afinal, não sabemos o que o futuro nos reserva. 

Uma pesquisa feita pela ANBIMA mostrou que mais de 52% dos brasileiros não têm uma quantia extra destinada para imprevistos. 

Separe mensalmente parte dos seus ganhos para o seu colchão de liquidez. Os especialistas recomendam guardar, no mínimo, o valor equivalente a seis meses das suas despesas mensais.

Assim, você estará preparado para qualquer imprevisto futuro. Por exemplo, desemprego ou problema de saúde. 

5 – Guarde dinheiro

Tenha o hábito de quando receber, guardar uma quantia do seu salário. Você deve fazer isso antes mesmo de pagar as contas. 

Os especialistas dizem que o ideal é guardar 10% dos seus ganhos. Quanto mais poupar, mais você vai ter. Coloque esse dinheiro em um local inacessível. Assim, você evita a tentação de gastar.

6 – Estabeleça objetivos

Tenha os seus objetivos como a sua maior motivação. Faça um levantamento de todos os sonhos que você quer realizar, separando-os por prazo. 

Por exemplo, se for comprar um imóvel em 20 anos, calcule agora quanto você precisa poupar por mês para atingir esta meta. Tenha objetivos em curto, médio e longo prazo

Assim, você sempre estará em busca de melhoria contínua. Tenha em mente que você está economizando em prol de algo que você quer muito.

7 – Venda o que você não precisa mais 

Essa é uma dica para você conseguir uma grana extra e praticar a economia sustentável. Faça um levantamento de todas as coisas que você não utiliza mais. 

Desde roupas, sapatos e móveis. Há diversos meios para vender, como em lojas virtuais, grupos de vendas e brechós. Esses itens podem ser muito úteis para outras pessoas. 

E é sempre bom ter mais espaço em casa, não é mesmo?

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *